Diabetes

DiabetesDiabetes mellitus, como é muitas vezes referida em termos clínicos, é uma doença para a vida que afeta tanto os homens como as mulheres. As pessoas que sofrem de diabetes têm níveis mais elevados de açúcar no sangue do que o normal.

Existem duas razões para isto acontecer, em primeiro lugar porque o corpo não produz insulina suficiente e, em segundo lugar, as células não respondem à insulina que é produzida pelo pâncreas. A insulina é uma das principais hormonas que regulam os níveis de açúcar no sangue e permite que o corpo use açúcar (chamada de glucose) para ser transformado em energia.

As pessoas podem sofrer de dois tipos de diabetes. A diabetes tipo 1 é conhecida como insulinodependente. Homens e mulheres de qualquer idade podem ter diabetes do tipo 1, no entanto, é diagnosticada frequentemente em crianças e jovens adultos. A diabetes tipo 2 é o tipo mais comum de diabetes entre as pessoas. É geralmente um tipo de diabetes não insulinodependente, que tende a afetar as pessoas com mais de 40 anos de idade.

Tratamentos para a diabetes

Metformin
MetforminO Metformin é um medicamento de prescrição usado para tratar a diabetes do tipo 2.

Mais Info

Quais são os tipos de diabetes?

Existem dois tipos principais de diabetes:

A diabetes tipo 1 é conhecida como insulinodependente. Pode ocorrer em qualquer idade, no entanto, é frequentemente diagnosticada em crianças e adultos jovens. Apenas 10% das pessoas com diabetes têm diabetes do tipo 1. Quem sofre do tipo 1, normalmente tem que tomar toda a vida injeções de insulina. É importante seguir uma dieta rigorosa e realizar análises ao sangue regulares para manter um nível saudável de glicose no sangue. Infelizmente, não há cura para a diabetes tipo 1.

A diabetes tipo 2 é o tipo mais comum de diabetes. É geralmente um tipo de diabetes não insulinodependente, que tende a afetar pessoas com mais de 40 anos de idade. Quem tem excesso de peso ou sofre de obesidade, tem um risco elevado de vir a sofrer de diabetes. No entanto, pode piorar com o passar dos anos e os pacientes tendem a ter que tomar insulina em algum momento.

Como é que os tratamentos funcionam?

Os tratamentos para a diabetes envolvem medicamentos de prescrição, exercício e dieta para controlar os níveis de açúcar no sangue e evitar a ocorrência de sintomas e problemas. Por enquanto, ainda não há cura mas a medicação pode ajudar a tratar os sintomas.

Atos (pioglitazona)
O atos reduz a resistência que o seu corpo tem à insulina e é usado no tratamento da diabetes tipo 2. Pode ser usado sozinho ou juntamente com outros medicamentos para a diabetes.

Amaryl (Glimepirida)
O Amaryl é um antidiabético, que é usado no tratamento da diabetes mellitus tipo 2. Atua ao aumentar a libertação de insulina das células beta do pâncreas.

DDAVP (Desmopressina)
É uma hormona antidiurética usada para tratar os sintomas da diabetes inspidus, que incluem sede excessiva e micção frequente.

Glucophage (Metformina)
Glucophage é um medicamento oral antidiabético e é a escolha de primeira linha para o tratamento de diabetes mellitus, diabetes tipo 2, especialmente em pessoas com excesso de peso ou obesas com função renal normal.

Glucotrol (Glipizida SR)
É um medicamento antidiabético para pessoas que têm diabetes tipo 2. O Glucotrol é usado em conjunto com uma dieta adequada e exercício físico para controlar os níveis altos de açúcar no sangue. Estimula a libertação de insulina natural no corpo.

Janumet (Fosfato de Sitagliptina + Metformina)
Usado para tratar a diabete tipo 2. Aumenta a insulina libertada pelo organismo e diminui a quantidade de açúcar que o fígado produz e os intestinos absorvem.

Januvia (Sitagliptin)
Usado no tratamento para a diabetes tipo 2. Januvia é um medicamento oral para a diabetes que pode ajudar a controlar os níveis de açúcar no sangue e a regular os níveis de insulina que o seu corpo produz depois de comer.

Metformin (Cloridrato de Metformina)
O Metformin reduz a quantidade de açúcar que o seu corpo absorve dos alimentos que consome e reduz a quantidade de glicose produzida pelo fígado. O Metformin não consegue tratar a diabetes tipo 1.

Prandin (Repaglinida)
Prandin é usado para tratar a diabetes tipo 2. Pode ser usado sozinho ou juntamente com outros medicamentos para a diabetes.

Precose (Acarbose)
Precose é um inibidor de glicosidase usado para tratar a diabetes do tipo 2. Atrasa a digestão dos carboidratos (amido e açúcar de mesa). Os hidratos de carbono são geralmente convertidos em açúcares que podem ser absorvidos pelo intestino. Diminui a quantidade de açúcar que vai para o sangue e previne a hiperglicemia, ou seja, níveis elevados de açúcar no sangue.

Rocaltrol (Calcitriol)
Calcitriol é uma forma hormonalmente ativa de vitamina D usada para tratar níveis baixos de cálcio no sangue.
Starlix (Nateglinida)

Starlix (Nateglinida) é um medicamento oral que reduz a glucose no sangue ao estimular a libertação de insulina do pâncreas. Ajuda a controlar os níveis no sangue.

O que é a diabetes?

A Diabetes mellitus é classificada como uma perturbação do metabolismo. Metabolismo refere-se à forma como o nosso organismo usa os alimentos digeridos para o crescimento e energia. A maioria dos alimentos que comemos é transformada em glicose, a principal fonte de combustível do nosso corpo. Quando a comida que ingerimos é digerida, a glicose segue o seu caminho até à corrente sanguínea. É a partir dali que as nossas células a utilizam para o crescimento e energia, no entanto, a glicose não consegue penetrar nas células sem insulina.

Depois de comermos, o pâncreas liberta uma quantidade suficiente de insulina para conduzir a glicose para o nosso sangue, para dentro das células, e finalmente baixar o nível de açúcar no sangue. Uma pessoa com diabetes tem uma quantidade de glucose demasiado elevada, que é conhecida como hiperglicemia. Eventualmente, o excesso de glicose no sangue é eliminado pela urina, causando:

Sintomas

  •  Micção frequente
  •  Sede excessiva
  •  Fadiga
  •  Comichão à volta dos órgãos genitais
  •  Infeções cutâneas recorrentes, por ex. furúnculos.

A diabetes pode causar que tipo de complicações?

Se a diabetes não for diagnosticada ou tratada corretamente, você corre mais riscos de vir a sofrer complicações de saúde.

Complicações como:

  •  Depressão e ansiedade
  •  Problemas oculares – visão turva, glaucoma, cataratas
  •  Problemas nos pés – úlceras, neuropatia
  •  Problemas de audição
  •  Problemas cardíacos
  •  Infeções cutâneas
  •  Gengivite
  •  Gastropatia
  •  Nefropatia
  •  AVC (trombose)
  •  Disfunção eréctil – impotência

Posso comprar tratamentos para a diabetes online?

Sim, pode. Para comprar qualquer medicamento de prescrição online, primeiro terá que realizar uma consulta online. Esta substitui a consulta que teria normalmente com um médico. Depois de concluída esta consulta gratuita, basta apenas alguns minutos para a medicação ser despachada da farmácia. No prazo de 48 horas chegará a sua casa, permitindo-lhe poupar tempo e dinheiro.

  •  


     

    Loxdoc está temporariamente em manutenção.

    Por favor, visite o nosso parceiro euroClinix